EnglishPortuguese
EnglishPortuguese

#Notícias

Centro Municipal de Artes Hélio Oiticica reabre as portas no Dia Nacional da Cultura com apoio do Instituto Inclusartiz

Reinauguração do espaço será no dia 5 de novembro com exposição de obras inéditas de Oiticica, exibição de um filme sobre o artista, show ao ar livre de Chico Brown e uma performance de dança, entre outras atrações

Fechado desde o início da pandemia, o Centro Municipal de Artes Hélio Oiticica será reaberto no dia 5 de novembro com uma exposição de obras inéditas do artista carioca que dá nome ao local, incluindo duas instalações penetráveis projetadas por ele, mas nunca executadas. A data que marca o retorno das atividades, cravado simbolicamente no Dia Nacional da Cultura, contará ainda com a exibição do longa-metragem “H.O.”, de Ivan Cardoso, show ao ar livre de Chico Brown e performance de dança com direção de Regina Miranda (veja a programação completa abaixo).

“É um novo modelo de parceria com o poder público e também de apresentação da obra de Hélio Oiticica. Não se trata apenas de uma exposição, mas uma nova proposta, principalmente o diálogo entre o trabalho do Hélio e o Rio “, ressalta César, à frente do instituto” Projeto Hélio Oiticica “, responsável por conservar e divulgar o acervo, mantido na casa onde morou o artista no Jardim Botânico. 

A reinauguração do espaço, agora totalmente reformado, tem parceria com a Secretaria Municipal de Cultura e apoio institucional do Instituto Inclusartiz.

“Faz parte da essência do Instituto Inclusartiz desenvolver parcerias com outras instituições culturais com o objetivo de fomentar o conhecimento da arte e abrir o terreno para o surgimento de novos artistas. Um centro desse porte e relevância merece reabrir as portas numa data tão significativa”, celebra Cristiano Vasconcelos, Diretor Executivo do Inclusartiz.  

Veja a programação:

15h: Exibição do filme “H.O.” (1979) DE IVAN CARDOSO.

Elenco: Caetano Veloso, Carlinhos do Pandeiro, Ferreira Gullar, Helio Oiticica, Lygia Clark, Nildo da Mangueira, Nininha, Waly Salomão.

Ideias de Oiticica sobre a incorporação da cor e suas intenções para os Parangolés são demonstradas no filme.

16h – CHICO BROWN – Performance musical no Penetrável Subterranean, ao ar livre.

Ao longo do dia:

Performance PERAMBULAÇÃO NO HO

Performance de dança com direção de Regina Miranda, no Penetrável, com a bailarina.

Maquetes dos Magic Squares e Subterranean Tropicália Projects, além de fotos e vídeos sobre os penetráveis e da obra “Rhodislância”, uma experiência coletiva que fez parte de um workshop na Universidade de Rhode Island. Também haverá o “Parangolé tenda” e a “Cama Bólide”. 

Na última galeria, a versão doméstica da “Cosmococa 2 Onobject”, pela primeira vez na história em sua edição interna.


Do lado de fora, na Rua Leopoldina, está o “PN10”, que ocupa 142 m² de espaço. Em sua estreia mundial, impulsiona e amplifica a importante relação com a cidade do Rio.

AGENDAMENTO

Para agendar sua visita, acesse: bit.ly/helioingressos.

Agendamento de visitas de hora em hora com capacidade máxima de 40 pessoas por hora. A entrada sem agendamento só será permitida se a capacidade máxima não estiver sido atingida.